Google+

Banner

Menu

segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Jurassic World - Ele é tudo isso? | Crítica


E lá vamos nos de novo para 5ª tentativa de manter essa franquia conhecida. Será que dessa vez acertaram?

Jurassic World reutiliza a formula do primeiro: irmãos vão para um parque temático de dinossauros e as coisas dão errado em algum momento. A diferença aqui é que o parque já está bem estabelecido, enquanto no primeiro estava em fase de testes.

Não gostei tanto quanto o primeiro, não por nostalgia, mas pela questão do primeiro ser novidade. Mas ainda assim é um filme que me entreteve a contendo. Os personagens embora não muito desenvolvidos cumprem seu papel, sem se destacar ou engrandecer, mas sem atrapalhar também.

Os dinossauros são muito bem feitos. Admito que estava com pé atrás quanto a essa parte, porque no filme 1 usam só bonecos animatronicos, o que dá uma sensação bem maior de realidade do que computação gráfica, na maioria dos casos. Mas até que ficou legal, eu realmente conseguia acreditar que os dinossauros estavam ali.

O filme tem seus problemas, obviamente. Chega a ser ridículo ver a resistência do dinossauro geneticamente modificado e a conveniência do roteiro em fazer o cara errar todos os tiros da calibre 0.50 que deveria ter deixado ele em micro pedacinhos. O pessoal não atirando nele em diversos momentos que ele está na mira de um exercito é bizarro também. Mas fora isso, o resto é bem aceitável com alguma suspensão de descrença. 

Acho que o que mais me ganhou no filme foi o final. Não pude deixar de criar simpatia pelos raptors e realmente me empolgar com a luta final que criaram entre eles, o dinossauro com esteroides e um convidado surpresa, melhor parte do filme. Os easter eggs homenageando o primeiro filme ficaram legais também, são discretos, mas estão lá aos montes para quem tiver olhos mais atentos.

Quanto a ele merecer ou não seu sucesso estrondoso de crítica, acho que não cabe a mim julgar. Pra mim é um filme mediano, mas o grande público gosta do que o grande público gosta, merecimento não tem nada a ver com isso, porque, no fim, a maioria das pessoas quer apenas uma coisa ao ir ao cinema: 2 horas de entretenimento visual, e isso, Jurassic World entrega.

Nota: 7.5/10

Trailer:


****

    Post Mix

Nenhum comentário:

Postar um comentário